AFINAL, COMO FUNCIONA O PROCESSO DE CONTRATAÇÃO DE PCD NA EMPRESA?

06 de fevereiro de 2020

A contratação de PCD (pessoas com deficiência) é importante para o negócio por ampliar o horizonte dos relacionamentos com a inserção de outras experiências e realidades de vida, fortalecendo a imagem social da empresa e educando os colaboradores para uma visão plural e inclusiva.

O que poucos sabem, porém, é que essa prática é prevista pela legislação brasileira. De acordo com a Lei Nº 8.213 (Lei de Cotas), todas as organizações com mais de 100 trabalhadores são obrigadas a contratar pessoas com deficiência.

Neste artigo, mostraremos o que é preciso fazer para que o processo de contratação de PCD realmente funcione. A leitura é interessante e por isso merece toda a sua atenção. Confira!

Como funciona a contratação de PCD

Adaptar a empresa

O primeiro passo é garantir que a empresa esteja adaptada para PCD. Nesse sentido, os cuidados correspondem à estrutura necessária para que as pessoas com deficiência possam se locomover e trabalhar sem nenhuma dificuldade: rampas de acesso para cadeirantes servem para ilustrar esse ponto. Ainda, é preciso ter em mente que essa adaptação também envolve as equipes de trabalho, que devem estar preparadas para lidar com as limitações das possíveis deficiências que uma determinada pessoa pode ter.

Promover a diversidade

Para que os colaboradores tenham uma visão mais holística das coisas, promover a diversidade na empresa é fundamental. Por quê? A resposta: porque o clima organizacional fica melhor, a criatividade das equipes é expandida e os relacionamentos se tornam mais empáticos.

Um processo de contratação de PCD de eficácia depende significativamente dessas questões. Portanto, se você tem o desejo de ver pessoas com deficiência se sucederem bem dentro da sua empresa, certifique-se de ter um ambiente diversificado. A dica geral, aqui, é respeitar os pensamentos e as pessoas diferentes de você: raça, gênero, idade, credo, cultura, origem, deficiência e personalidade são fatores que devem ser sempre respeitados.